Tag: Febre Aftosa/
-------- PUBLICIDADE --------
Mundo Animal Barra venc dia 04



31 de outubro de 2019
Bahia

Vacinação contra Febre Aftosa na Bahia começa nessa sexta-feira, 01

A segunda etapa da Vacina√ß√£o contra a Febre Aftosa come√ßa na sexta (1¬ļ) e vai at√© o dia 30 de novembro em toda a Bahia. √Č a mais importante no cadastro de doen√ßas que afetam bovinos e bubalinos. Nessa quarta, o diretor-geral da ADAB, Maur√≠cio Bacelar, participou de reuni√£o, em Feira de Santana, com coordenadores e fiscais estaduais de defesa agropecu√°ria para alinhar as estrat√©gias para essa fase da campanha.

A Bahia √© zona livre da Aftosa h√° 22 anos e, a cada etapa, tem alcan√ßado uma maior cobertura de vacina√ß√£o. A perspectiva da ADAB (Ag√™ncia Estadual de Defesa Agropecu√°ria), que coordena a Campanha, √© atingir uma cobertura superior a 90% em todas as regi√Ķes, conforme preconiza a Organiza√ß√£o Mundial de Sa√ļde Animal (OIE).

Animais de até 24 meses de idade devem ser vacinados e todo o rebanho da propriedade tem que ser declarado nos escritórios da ADAB ou através do site www.adab.ba.gov.br .

Farmavip РBanner Divulgação


9 de outubro de 2019
Sa√ļde

Agricultura debate fim da vacinação contra febre aftosa

A Comiss√£o de Agricultura, Pecu√°ria, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da C√Ęmara dos Deputados promoveu ontem (8) uma audi√™ncia p√ļblica sobre o fim da vacina√ß√£o contra febre aftosa. O pedido para o debate √© dos deputados Jeronimo Goergen (PP-RS) e Schiavinato (PP-PR).

Para Goergen, a retirada da vacina√ß√£o mostrar√° ao mundo que a defesa sanit√°ria do Brasil √© confi√°vel melhorando as exporta√ß√Ķes. “Os Estados brasileiros foram divididos em cinco grupos e alguns j√° v√™m solicitando auditoria dos seus sistemas de defesa para antecipar a retirada da vacina√ß√£o contra a febre aftosa, o que permitir√° ao Pa√≠s exportar para mercados que remuneram melhor”, explicou.

Schiavinato considera necess√°rio esclarecer o setor produtivo sobre a import√Ęncia de o Brasil se tornar um pa√≠s livre da aftosa sem vacina√ß√£o e seus efeitos comerciais e produtivos. (tnh1)


3 de maio de 2019
Bahia

Bahia inicia 1ª etapa da vacinação contra a Febre Aftosa em 2019

Com um rebanho de 10 milh√Ķes de cabe√ßas de gado, a Bahia est√° livre da Febre Aftosa h√° 22 anos, recebendo o status de Zona Livre da Aftosa, concedido pela Organiza√ß√£o Mundial de Sa√ļde Animal (OIE), nos √ļltimos 18 anos de forma consecutiva. Para dar continuidade aos resultados positivos, nesta quarta-feira (1¬ļ), foi iniciada a 1¬™ etapa de vacina√ß√£o contra a doen√ßa em 2019, destinada para todos os bovinos e bubalinos, independente da faixa et√°ria. Al√©m de vacinar, o produtor deve declarar todo o rebanho para a Ag√™ncia de Defesa Agropecu√°ria da Bahia (Adab).

“A meta √© a vacina√ß√£o de todo o rebanho da Bahia, porque a manuten√ß√£o desse status de Zona Livre da doen√ßa √© muito importante para a nossa economia, √© o que garante para o importador a qualidade do produto que a gente exporta. √Č um esfor√ßo conjunto do setor produtivo com o Governo do Estado para alcan√ßar esse objetivo. √Č importante lembrar que os produtores devem aproveitar para declarar outros animais como equ√≠deos, ovinos, caprinos, su√≠nos, aves e peixes”, explicou o coordenador do Programa de Febre Aftosa da Adab, Ant√īnio Maia.

Ainda de acordo com o coordenador da Adab, “a novidade para este ano √© a redu√ß√£o da dose da vacina dos atuais cinco mililitros para dois mililitros. Isso ajuda a diminuir o impacto de les√Ķes causadas por rea√ß√Ķes √† vacina, e a gente vai ter ganho de produtividade no abate, com menos perda de carca√ßa dos animais. Tamb√©m foi retirada da composi√ß√£o a subst√Ęncia Saponina, apontada por alguns especialistas como a causa dessas les√Ķes”.

O produtor dever√° adquirir as vacinas em uma revendedora autorizada, loja de produtos agropecu√°rios, devidamente cadastrada na Adab apresentando CPF ou CNPJ para emiss√£o da nota fiscal. O per√≠odo vacinal √© de 1¬ļ a 31 de maio e √© necess√°rio declarar a vacina√ß√£o junto √† Adab pela internet ou nos postos da ag√™ncia distribu√≠dos pelo Estado em at√© 15 dias.

O não cumprimento desses procedimentos nos prazos determinados poderá acarretar na aplicação de penalidades ao produtor. Os proprietários que não vacinarem o rebanho durante o período da campanha, e não fizerem a declaração serão multados no valor de R$ 53 por cabeça não vacinada e R$ 160 por propriedade não declarada, ficando impedido de vender ou transportar o rebanho.


Tags:
4 de maio de 2018
Bahia

Segue até 31 de maio, a campanha de vacinação contra Febre Aftosa

Foto: Divulgação

Garantir a Bahia o status de zona livre de Febre Aftosa, para isso come√ßou no dia (01) e segue at√© 31 de maio a primeira etapa de vacina√ß√£o contra a Febre Aftosa em todo o Estado da Bahia. Bovinos e bubalinos de todas as faixas et√°rias dever√£o ser vacinados e declarados nesta etapa. A expectativa da Ag√™ncia de Defesa Agropecu√°ria da Bahia (ADAB) √© que 9,8 milh√Ķes de cabe√ßas sejam vacinadas, representando 96% de taxa de vacina√ß√£o do rebanho. Depois da vacina, os produtores t√™m at√© 15 dias para declarar a vacina√ß√£o junto a ADAB pela internet (www.adab.ba.gov.br) ou nos escrit√≥rios da ag√™ncia distribu√≠dos pelo Estado. 
O produtor dever√° adquirir as vacinas em uma revendedora autorizada, loja de produtos agropecu√°rios, devidamente, cadastrada na ADAB. A Bahia possui 21 anos livre da Febre Aftosa e busca a manuten√ß√£o do status de zona livre de febre aftosa concedido ao Estado pela Organiza√ß√£o Mundial de Sa√ļde Animal (OIE), pelo 17¬ļ ano consecutivo. Com esse status, o objetivo agora √© evoluir o Estado e todo pa√≠s para zona Livre de Febre Aftosa, sem vacina√ß√£o, √† partir do ano de 2021. Este √© o compromisso junto com o produtor, buscando a valoriza√ß√£o da carne, juntos aos mercados mais exigentes.

Continue lendo…


20 de abril de 2018
Bahia

Febre aftosa: campanha deve vacinar 9,8 milh√Ķes de bovinos e bubalinos

Foto: Divulgação

A primeira etapa de vacina√ß√£o contra a febre aftosa ser√° realizada de 1¬ļ a 31 de maio em toda a Bahia. Bovinos e bubalinos de todas as faixas et√°rias dever√£o ser vacinados e declarados nesta etapa. A expectativa da Ag√™ncia de Defesa Agropecu√°ria da Bahia (Adab) √© que 9,8 milh√Ķes de cabe√ßas sejam vacinadas, representando 96% de taxa de vacina√ß√£o do rebanho. Depois da vacina, os produtores t√™m at√© 15 dias para declarar a vacina√ß√£o junto √† Adab pela internet ou nos escrit√≥rios da ag√™ncia distribu√≠dos pelo estado. 

O produtor deve adquirir as vacinas em uma revendedora autorizada, devidamente cadastrada na Adab. H√° 21 anos livre da febre aftosa, a Bahia busca a manuten√ß√£o do status de zona livre de febre aftosa, concedido pela Organiza√ß√£o Mundial de Sa√ļde Animal (OIE) pelo 17¬ļ ano consecutivo. 

Com esse status, o objetivo agora √© evoluir o estado e todo o pa√≠s para zona livre de febre aftosa, sem vacina√ß√£o, a partir do ano de 2021. Os propriet√°rios que n√£o vacinarem o rebanho durante o per√≠odo da campanha e n√£o fizerem a declara√ß√£o ser√£o multados no valor de R$ 53 por cabe√ßa n√£o vacinada e R$ 160 por propriedade n√£o declarada, ficando impedido de vender ou transportar o rebanho. Por isso, a orienta√ß√£o √© n√£o deixar para √ļltima hora, evitando a perda dos prazos. 

A Adab lembra ainda a necessidade da vacina contra a brucelose. O produtor deve declarar outros animais como equídeos, ovinos, caprinos, suínos, aves e peixes. Ao manter o cadastro atualizado, ele pode ter acesso aos programas do governo, com distribuição de animais, milho e financiamentos bancários. (secom)


3 de maio de 2016
Bahia

Teve início a Campanha de Vacinação contra Febre Aftosa na Bahia

Foto: Informebarra.com.br

Foto: Informebarra.com.br

A campanha de vacina√ß√£o contra a febre aftosa na Bahia come√ßou desde domingo (1¬į). Para o ano de 2016, a estimativa da Ag√™ncia de Defesa Agropecu√°ria da Bahia (Adab) √© vacinar 10.854.311 bovinos e bubalinos pertencentes a 384.393 criadores. A primeira etapa da campanha vai at√© o dia 31 de maio e visa vacinar todos os animais, independente da faixa et√°ria.Continue lendo…