Tag: fraude/
-------- PUBLICIDADE --------
Mundo Animal Barra venc dia 04



3 de setembro de 2020
Brasil

Polícia Federal deflagra operação contra fraudes no Auxílio Emergencial

Foto: Divulgação Polícia Federal

A Pol√≠cia Federal deflagrou, nesta quarta-feira (2), a Opera√ß√£o Falso Samaritano, que apura os crimes de estelionato para o recebimento do aux√≠lio emergencial, amea√ßa e divulga√ß√£o de informa√ß√Ķes pessoais. Durante as investiga√ß√Ķes foi identificado que o suspeito utilizava-se dos dados das v√≠timas para se cadastrar nos aplicativos dos aux√≠lios emergenciais do Governo Federal e, assim, receber os valores em benef√≠cio pr√≥prio. Ap√≥s um pronunciamento do presidente da Caixa Econ√īmica Federal, Pedro Guimar√£es, alertando sobre a exist√™ncia de golpes e informando as a√ß√Ķes para impedir os fraudadores, o suspeito amea√ßou e divulgou informa√ß√Ķes pessoais do presidente e de seus familiares.


27 de agosto de 2020
Bahia

Itua√ßu: Den√ļncias apontam graves Ind√≠cios de fraude no FGTS durante a gest√£o do ex-prefeito Albercinho

Procurado pelo Informe Barra, ex-prefeito (foto) negou as acusa√ß√Ķes

Segundo um vereador, que a princ√≠pio pediu pra resguardar sua identidade, por medo de sofrer algum tipo de repres√°lia, como as que ocorreram com o prefeito Adalberto, por duas vezes, ap√≥s um minucioso levantamento de dados, foi descoberto¬† graves ind√≠cios que apontam fraude na individualiza√ß√£o do FGTS dos funcion√°rios da prefeitura municipal de Itua√ßu,¬† durante a gest√£o de Alb√©rcio da Costa Brito. Para o denunciante, dados solicitados na prefeitura e na Caixa Econ√īmica Federal indicam que a sogra de Alb√©rcio Brito – Albercinho, trabalhou apenas um ano na prefeitura municipal (1973) e recebeu, ap√≥s individualiza√ß√£o do FGTS na gest√£o de Albercinho (2015), uma quantidade exorbitante de R$24.048,64. Segundo o vereador, em 2015, essa individualiza√ß√£o foi realizada pelas empresas Din√Ęmica e Metha, nas quais trabalhou Miguel Brito, tamb√©m genro da benefici√°ria e primo do ex-gestor. Por outro lado, demais funcion√°rios p√ļblicos municipais, embora tenham trabalhado por muitos anos, receberam valores insignificantes, como pode ser constatado nos extratos da Caixa. Ainda e acordo com a den√ļncia do edil, uma funcion√°ria, por exemplo, trabalhou por 15 anos (01/03/1977 a 15/03/1982) e recebeu R$3.010,00. Outro servidor trabalhou por 13 anos (05/10/1988 a 31/12/2001) e s√≥ recebeu em 2015 R$2.965,98. Mais um recebeu em 2015 R$1.453,38, mesmo tendo trabalhado por 8 anos (R$1.453,38). De tantos casos, um servidor que trabalhou por tempo semelhante da sogra de Albercinho, s√≥ recebeu em 2015, durante a gest√£o dele, R$457,20 por ter trabalhado por um ano e cinco meses (01/06/1987 a 11/11/1988) – versos os R$24.048,64 recebido pela sogra de ex-prefeito. Com base na Lei de Acesso √† Informa√ß√£o (Lei n¬į 12.527), vereador diz que tomou provid√™ncias para tornar p√ļblico estas irregularidades nos valores que indicam ind√≠cios de mais uma fraude na gest√£o de Albercinho. Em 2016, Albercinho tentou reelei√ß√£o, mas teve sua candidatura rejeitada pelo TSE por n√£o se enquadrar na Lei da Ficha Limpa (Lei Complementar n¬ļ. 135 de 2010) e agora tenta emplacar o seu filho. Procurado pelo Informe Barra para falar sobre o assunto, o ex-prefeito negou as acusa√ß√Ķes e n√£o deu maiores detalhes sobre o caso.

Banner Publicit√°rio


Tags:
17 de agosto de 2020
Bahia

PRF apreende carreta de combustível com nota fiscal fraudada em cidade na Chapada Diamantina

A Pol√≠cia Rodovi√°ria Federal (PRF) apreendeu uma carreta que transportava 44.000 litros de √°lcool hidratado com nota fiscal fraudada. A abordagem aconteceu na altura do quil√īmetro 270 da BR 242, em Boa Vista do Tupim (BA), na manh√£ de domingo (16). Em fiscaliza√ß√£o de combate √† criminalidade, policiais abordaram uma carreta Volvo/FH 440, acoplada a dois semirreboque (tanque). Durante a vistoria, constataram que estava sendo transportado √°lcool et√≠lico hidratado pela nota fiscal apresentada pelo motorista. Conforme descrito no documento, o carregamento de combust√≠vel tinha como destino o estado do Rio Grande do Norte. Na entrevista, o motorista de 47 anos demostrou nervosismo e apresentou informa√ß√Ķes desencontradas em rela√ß√£o ao destino da carga, o que elevou o grau de suspeita. Foi acionada a Secretaria de Fazenda Estadual (SEFAZ-BA) e a fiscal compareceu ao p√°tio da PRF e constatou que o documento fiscal apresentava ind√≠cios de n√£o recolhimento de tributo, o que caracteriza sonega√ß√£o fiscal. O combust√≠vel e os ve√≠culos encontram-se retidos na unidade operacional policial (UOP) de Itaberaba, aguardando os procedimentos administrativos e a libera√ß√£o s√≥ ser√° efetuada ap√≥s autoriza√ß√£o da fazenda estadual, respons√°vel por apurar √†s irregularidades e inconsist√™ncias tribut√°rias.


12 de agosto de 2020
Bahia

DTE de Vitória da Conquista desmonta esquema de tráfico através do Sedex

Foto: Divulgação SSP-BA

A Delegacia de T√≥xicos e Entorpecentes (DTE) de Vit√≥ria da Conquista desarticulou, no final da tarde de ter√ßa-feira (11), um esquema de recebimento de drogas, atrav√©s do servi√ßo de Sedex dos Correios. Um traficante acabou preso em flagrante e pacotes com 5 kg de maconha foram apreendidos. Investigadores da DTE/Conquista, com apoio dos Correios, receberam a den√ļncia e passaram a monitorar a quadrilha. O criminoso, morador do bairro Vila Serrana, confessou que recebia, h√° pelo menos cinco meses, os entorpecentes, enviados da cidade de Curitiba, capital do Paran√°.¬† “A criminalidade muda sua forma de agir, mas a pol√≠cia est√° sempre atenta. Sabemos que outros criminosos tamb√©m recebiam esses materiais e estamos agora trabalhando para identific√°-los”, explicou o titular da DTE/Vit√≥ria da Conquista, delegado Neuberto Costa Souza. Ele informou ainda que o traficante preso, ap√≥s depoimentos, foi encaminhado para o sistema prisional.


11 de agosto de 2020
Bahia

Sefaz intercepta mais uma carreta combustível com nota fraudada em Vitória da Conquista

Foto: Divulgação PRF-BA

Ap√≥s a apreens√£o pela Pol√≠cia Rodovi√°ria Federal (PRF) na BR-116, em Vit√≥ria da Conquista, de uma carga de 45 mil litros √°lcool et√≠lico hidratado com ind√≠cios de fraude na nota fiscal, a Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-BA) interceptou na mesma √°rea nova carreta com irregularidades semelhantes, desta vez com 43 mil litros do combust√≠vel. A primeira carga era destinada a uma empresa fantasma no munic√≠pio de Canapi, em Alagoas, e a segunda a uma empresa de Antas, na Bahia, cuja inscri√ß√£o estadual j√° havia sido cancelada pela Sefaz-BA por ter realizado opera√ß√Ķes fiscais fict√≠cias. Alvos de inqu√©ritos criminais abertos nesta segunda-feira (10) pela Pol√≠cia Civil do Estado, por meio do Departamento de Repress√£o e Combate ao Crime Organizado (Draco), as duas cargas est√£o sob a guarda do fisco baiano, como fiel deposit√°rio. As investiga√ß√Ķes ocorrem na al√ßada da for√ßa-tarefa do Comit√™ Interinstitucional de Recupera√ß√£o de Ativos (Cira), que atua no combate √† sonega√ß√£o e aos crimes contra a ordem tribut√°ria, reunindo, al√©m da Sefaz-BAe da Pol√≠cia Civil/Secretaria da Seguran√ßa P√ļblica (SSP), o Minist√©rio P√ļblico do Estado (MPBA), a Procuradoria Geral do Estado (PGE) e o Tribunal de Justi√ßa (TJBA).¬† ‚ÄúAs fraudes em combust√≠veis t√™m sido uma preocupa√ß√£o constante das autoridades baianas porque trazem preju√≠zos aos cofres p√ļblicos, √† concorr√™ncia leal entre as empresas no mercado local e √† qualidade do produto‚ÄĚ, ressalta o secret√°rio da Fazenda do Estado, Manoel Vit√≥rio, lembrando quem desde 2019m a Sefaz-BA promove duas grandes opera√ß√Ķes voltadas para o segmento: a Posto Legal, reunindo ainda o Procon-BA, o Ibametro, a Ag√™ncia Nacional de Petr√≥leo (ANP), o Departamento de Pol√≠cia T√©cnica (DPT) e a PGE, e a Concorr√™ncia Leal, em parceria com a Pol√≠cia Militar.


16 de julho de 2020
Bahia

Em Abaíra, secretários e até filho de vereadora receberam auxílio emergencial

Foto: Reprodução

Em Aba√≠ra, na regi√£o da Chapada Diamantina, fraudes na solicita√ß√£o do aux√≠lio emergencial foram identificadas. Conforme reportagem do Correio da Bahia, secret√°rios municipais, servidores, empres√°rios e parentes de pol√≠ticos est√£o numa lista de 14 pessoas que receberam indevidamente o aux√≠lio emergencial em Aba√≠ra.¬† S√≥ no quadro de secret√°rios municipais, dois receberam o benef√≠cio: Maciel Miranda e Silva (Obras e Infraestrutura) e Carlos Eduardo Jardim Moreira (Agricultura). Representante da pasta de Esporte, Jiuvan Novais de Almeida tamb√©m foi beneficiado.¬† Outros servidores¬† foram encontrados na lista do Portal da Transpar√™ncia do Governo Federal: Simone Carla Oliveira e Silva Freitas, Florindo Padro Azevedo Filho e Elito Ferreira da Silva. Esse √ļltimo √© pai da vereadora Vanessa Barbosa Silva Moreira (DEM), cujo filho, Jo√£o Lucas Silva Moreira tamb√©m foi beneficiado. Vanessa √© casada com o vice-prefeito da cidade, Herm√≠nio Moreira (DEM), conhecido como Mindim. O irm√£o dele, Heriton Moreira, tamb√©m recebeu o aux√≠lio. Flavia Novaes Barros, esposa do secret√°rio de¬† sa√ļde Alex Sandro Silva Miranda, tamb√©m recebeu indevidamente os R$ 600. Todas essas informa√ß√Ķes foram conseguidas pela vereadora Ana L√ļcia (PSB), que fez uma representa√ß√£o nos minist√©rios p√ļblicos Federal e Estadual: ‚ÄúQuero que algo seja feito urgentemente, pois tem gente na cidade que precisa do benef√≠cio e n√£o recebeu‚ÄĚ. A reportagem¬† confirmou a presen√ßa dessas pessoas na lista de beneficiados e ainda constatou que cinco empres√°rios receberam o aux√≠lio: Jacinto Jos√© de Souza Neto, do ramo de m√≥veis; Vanilson Marques de Carvalho,de autope√ßas; Jos√© Fabio Viera Santos,¬† de a√ßo; e um casal dono de um supermercado, que pediu para n√£o ser identificado. ‚ÄúMinha esposa √© microempreendedora individual e eu sou representante comercial de uma empresa de Goi√°s e fui demitido. S√≥ caiu a primeira parcela, que destinei para meu pai, pois o aux√≠lio doen√ßa dele foi cortado‚ÄĚ, disse. O casal argumentou que n√£o fez a solicita√ß√£o. A mesma justificativa foi utilizada por todos os empres√°rios citados. Vanilson Marques disse que vai devolver: ‚ÄúUtilizei o dinheiro para comprar cestas b√°sicas e rem√©dio para o povo‚ÄĚ, disse. J√° Jacinto Neto afirmou que doou o dinheiro por n√£o saber como devolv√™-lo: ‚ÄúN√£o estava necessitado‚ÄĚ.¬† O √ļnico que disse que precisava do dinheiro recebido foi Jos√© Fabio Viera Santos: ‚ÄúAchei estranho quando vi, mas estava precisando, sim‚ÄĚ.¬†¬† O secret√°rio de sa√ļde Alex Sandro admitiu que a esposa solicitou. Ele explicou que a √ļnica renda do casal √© o seu sal√°rio de R$ 1.250. O valor √© abaixo do teto de R$ 3.135 mensal estabelecido pelo Governo Federal por fam√≠lia. Por isso, ela achou que se enquadraria. No entanto, a assessoria da Caixa Econ√īmica Federal explicou que para receber o aux√≠lio era necess√°rio ter renda mensal por pessoa abaixo de R$ 522,50. Outro que admitiu ter solicitado foi Heriton Moreira, irm√£o do vice-prefeito. Ele √© apontado pela vereadora Ana Lucia¬† como dono de supermercados. Heriton nega: ‚ÄúJ√° fui empres√°rio, n√£o sou mais‚ÄĚ. A vereadora Vanessa Moreira disse que pai Elito e o filho Jo√£o Lucas n√£o solicitaram o benef√≠cio e que os valores foram imediatamente devolvidos. As mesmas justificativas foram dadas por Carlos Eduardo, secret√°rio municipal de Agricultura, e Maciel Miranda, secret√°rio municipal de Obras e Infraestrutura. Esse √ļltimo acredita que o benef√≠cio entrou automaticamente na sua conta por ele ser MEI. J√° a funcion√°ria p√ļblica Simone Carla Oliveira afirmou que sabia que tinha recebido o benef√≠cio, mesmo sem solicitar, mas que pensava que o dinheiro era devolvido automaticamente. O funcion√°rio p√ļblico Jiuvan Novais de Almeida n√£o quis se pronunciar sobre o assunto e Florindo Padro disse que havia algum engano, pois ‚Äún√£o saquei dinheiro nenhum de aux√≠lio‚ÄĚ, afirmou.¬†


10 de julho de 2020
Bahia

Fraude no Aux√≠lio Emergencial: Mesmo com v√°rios patrim√īnios, pr√©-candidato a prefeito de Itua√ßu recebeu o benef√≠cio

Recentemente, o Tribunal de Contas da Uni√£o mostrou que mais de 620 mil pessoas receberam indevidamente, somente no m√™s de abril,  os R$ 600 do Aux√≠lio Emergencial. A lista inclui servidores p√ļblicos, empres√°rios, aposentados e pessoas com bens de alto valor, como carros, casas e embarca√ß√Ķes. A listra traz ainda nome de empres√°rios, inclusive esposas destes, advogados , ex-vereadores, entre outros profissionais em Itua√ßu ligados a fam√≠lia do pr√©-candidato Felipe Brito (Filho do ex-prefeito Albercinho), que receberam o benef√≠cio. Veja alguns nomes: Marx Vladimir De Brito Costa – Chic√£o da Lachonete;  Helconio Brito Mores ‚Äď Empres√°rio; Jos√© Carlos Brito Neto ‚Äď Advogado,  Filho de Fl√°vio Brito; Francisco da Costa Brito – Irm√£o de Albercinho  –  Dirige o caminh√£o com Tanque de combust√≠vel;  Inara Pires dos Santos – Esposa de Helconio;  Aleomar Gomes Brito (Giraia) Advogado; Jos√© Ant√īnio Brito Fontana  (Z√© Paix√£o). Tentamos contato por telefone com o pr√©-candidato √† prefeito,  Phellipe Ramonn Gon√ßalves Brito para que este se manifestasse sobre a den√ļncia, mas n√£o obtivemos resposta. O espa√ßo est√° aberto para a resposta dos supracitados.


27 de novembro de 2019
Vitória da Conquista

Bombas de combustível são interditadas em posto de Vitória da Conquista por fraude no abastecimento

Foto: Divulgação

O Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro) interditou quatro bombas de combust√≠vel em um posto de Vit√≥ria da Conquista, no sudoeste do estado, nesta ter√ßa-feira (26), devido a fraude. Em atendimento a den√ļncia de consumidor, o instituto realizou per√≠cia nas bombas do estabelecimento, constatando a implanta√ß√£o indevida de dispositivos internos que eram acionados no ato do abastecimento dos ve√≠culos, gerando preju√≠zos ao consumidor em at√© 1600 ml em cada 20 litros. O erro m√°ximo permitido nesse tipo de medi√ß√£o metrol√≥gica √© de 60 ml em cada 20 litros.

O posto foi autuado e est√° sujeito a multa de R$ 1,5 milh√£o, ap√≥s finalizado o processo administrativo. Pela lei, o estabelecimento tem 10 dias para apresentar a defesa. Por conta da fraude constatada pelo Ibametro, o posto tamb√©m deve ter a inscri√ß√£o no ICMS suspensa pela Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-BA), tornando-se inapto para operar. 

 

Farmavip РBanner Divulgação


10 de outubro de 2019
Bahia

Baiano que fraudava benefícios do INSS recebia R$ 25 mil por mês

Foto: Reprodução

Balbino Oliveira da Silva, considerado pela Polícia Federal como um dos maiores fraudadores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), foi preso na manhã desta quarta-feira (09), na Operação Caduceu.

Balbino √© acusado de ser o l√≠der de uma quadrilha que praticava fraudes contra o INSS nos estados da Bahia, Sergipe, Alagoas e Pernambuco. O preju√≠zo estimado aos cofres p√ļbicos supera os R$ 7 milh√Ķes, relativos a pelo menos 140 benef√≠cios com constata√ß√£o de fraude.

Através do esquema, o criminoso obteve seis benefícios, o que dava a ele uma renda mensal de R$ 25 mil, além de três imóveis Рdois apartamentos, um deles na Barra, e uma casa de veraneio na Praia do Flamengo.

Levando em considera√ß√£o que o benef√≠cio mais antigo de Balbino √© do ano de 2014, a estimativa √© que, somente ele, tenha causado um preju√≠zo de R$ 2 milh√Ķes aos cofres p√ļblicos. Ele atuava como estelionat√°rio desde a d√©cada de 1980 e responde a diversos processos penais e inqu√©ritos policiais por fraudes.

Casa Nova РBanner Divulgação


Tags:
20 de setembro de 2019
Bahia

Grupo alvo da PF recrutava idosos e deficientes para fraudar INSS na Bahia

O grupo alvo da Opera√ß√£o Lama Preta, deflagrada pela Pol√≠cia Federal na manh√£ desta quinta-feira (19), em Salvador e regi√£o metropolitana, para combater fraudes na Previd√™ncia Social, recrutava idosos e deficientes para obter benef√≠cios ilegalmente. O esquema gerou preju√≠zo de mais de R$ 4 milh√Ķes aos cofres p√ļblicos.

Segundo informa√ß√Ķes divulgadas em coletiva realizada no fim desta manh√£, na sede da PF, no bairro de √Āgua de Meninos, em Salvador, grupo atuava h√° mais de tr√™s anos e tamb√©m realizava outras fraudes que n√£o envolviam benef√≠cios previdenci√°rios.

A opera√ß√£o visava cumprir 11 mandados de pris√£o preventiva e 12 de busca e apreens√£o, em Salvador, lauro de Freitas, Cama√ßari e Dias D’√Āvila. (G1)


Tags: