-------- PUBLICIDADE --------

Nenhum banner cadastrado no momento


2 de março de 2021
Barra da Estiva

Ibicoara: Moradores do Povoado Paraguaçu denunciam mega estrutura montada por Empresa para desviar água do rio próximo da nascente

Foto / composição: Informe Barra

Moradores da comunidade Paraguaçu, povoado que fica na divisa entre Ibicoara e Barra da Estiva, temem que o uso indiscriminado das águas do rio Paraguaçu possa trazer prejuízo a comunidade. Em relato enviado a redação do Informe Barra, moradores do povoado informaram que uma grande empresa do Ramo Agrícola, sediada no distrito de Cascavel, perfuraram vários poços artesianos para execução de suas atividades, mas as águas destes poços secaram. Deste modo, estão iniciando a sucção em terras arrendadas na comunidade Paraguaçu, a 1km do limite entre Barra da Estiva e Ibicoara, próximo a nascente do para retirar a água e desviar para as suas lavouras. Ainda de acordo com os moradores do povoado Paraguaçu, a empresa arrendou, menos de 1 hectare de terra, somente para fazer o uso da água do rio. Diante do fato, o povoado teme que o patrimônio que tanto lutaram para preservar venha a ser destruído pelo uso desordenado e cobram da prefeitura e setores responsáveis pelo meio ambiente a fiscalização das atividades da Empresa.

Os moradores procuraram o secretário de Meio Ambiente de Ibicoara na tarde da última segunda-feira (01), cobrando ações junto aos órgãos competentes pra que possam fiscalizar e punir os responsáveis pelo que eles [moradores] consideram ser um verdadeiro crime ambiental.
Nossa reportagem falou com o secretário de Meio Ambiente de Ibicoara, Luan, que confirmou a reunião, mas disse não ser de competência da prefeitura fiscalizar a situação, mas que orientaram os moradores a procurarem o Inema e a Seinfra, já que para passarem com as tubulações a empresa fez uma abertura escavações por baixo da pista.




%d blogueiros gostam disto: