Tag: Seca/
-------- PUBLICIDADE --------
Mundo Animal Barra venc dia 04



14 de dezembro de 2019
Barra da Estiva

União reconhece situação de emergência em Barra da Estiva devido a seca

O Governo Federal publicou a portaria N¬ļ 2976, de 11 de dezembro de 2019, reconhecendo a situa√ß√£o de emerg√™ncia em Barra da Estiva devido a seca. O decreto autoriza a administra√ß√£o municipal a atuar sob coordena√ß√£o, nas a√ß√Ķes de resposta a desastres, reabilita√ß√£o de cen√°rio e reconstru√ß√£o. O decreto tamb√©m autoriza a convoca√ß√£o de volunt√°rios para refor√ßar a√ß√Ķes de resposta nas campanhas de arrecada√ß√£o de recursos, junto a comunidade.


7 de novembro de 2018
Barra da Estiva

União reconhece situação de emergência em Barra da Estiva devido à seca

Foto: Informe Barra

O município de Barra da Estiva teve um decreto de emergência reconhecido pelo governo Federal. A medida foi publicada no Diário Oficial da União nesta terça-feira (6). Segundo dados da prefeitura, a cidade tem 15 mil pessoas afetadas pela falta de chuva, ou 72% da população de 20 mil habitantes, conforme estimativa do IBGE deste ano.

 Em toda a Bahia, 218 munic√≠pios est√£o com decretos de emerg√™ncia por estiagem em vigor (215 com reconhecimento federal), com 4,6 milh√Ķes [31,3%] de habitantes prejudicados, conforme dados da Defesa Civil Estadual [Sudec]. Com o reconhecimento da situa√ß√£o de emerg√™ncia, a prefeitura pode solicitar apoio da Defesa Civil Nacional para a√ß√Ķes de socorro e assist√™ncia √† popula√ß√£o, como a Opera√ß√£o Carro-pipa do Ex√©rcito, al√©m de restabelecimento de servi√ßos essenciais e recupera√ß√£o de √°reas atingidas.


11 de outubro de 2018
Barra da Estiva

Prefeitura de Barra da Estiva emite comunicado de possíveis desabastecimentos de água em alguns bairros

Foto: Divulgação

A Prefeitura Municipal de Barra da Estiva orienta toda a popula√ß√£o que devido ao per√≠odo de estiagem e a sobrecarga nos processos de tratamento, ocasionada pelo aumento de mat√©ria org√Ęnica liberada pelas braqui√°rias que s√£o plantas nativas presentes nos rios, √© poss√≠vel que haja um desabastecimento tempor√°rio em alguns bairros. √Č preciso compreens√£o de todos, al√©m do uso consciente, com racionamento de √°gua e a cria√ß√£o de reservat√≥rios em casa.


4 de abril de 2018
Bahia

Sudec: cerca de 4 milh√Ķes de baianos e 184 munic√≠pios sofrem com estiagem

Foto: Reprodução

De acordo a Superintend√™ncia de Prote√ß√£o e Defesa Civil (Sudec), a Bahia est√°, atualmente, com 184 munic√≠pios em situa√ß√£o de emerg√™ncia por causa da seca. O n√ļmero de munic√≠pios em emerg√™ncia corresponde a 44% do total de cidades do estado. Os dados da Sudec informam que a quantidade de afetadas pela estiagem prolongada atinge cerca de 4 milh√Ķes de pessoas.

A lista de locais afetados foi atualizada na quinta-feira (29), quando o governo baiano decretou situação de emergência para 144 cidade. Entre os municípios incluídos na lista estão Abaré, Adustina, Anagé, Bom Jesus da Lapa, Brumado, Caetité, Campo Formoso, Conceição do Coité e Euclides da Cunha.

A Bahia j√° vem de um per√≠odo de seis anos de estiagem prolongada. Ao decretarem situa√ß√£o de emerg√™ncia, os munic√≠pios requerem aux√≠lio complementar do estado e/ou da Uni√£o para as a√ß√Ķes de socorro e de recupera√ß√£o em raz√£o de situa√ß√Ķes como seca, estiagem ou desastres. Nas √°reas rurais, por exemplo, moradores precisam do aux√≠lio de carros-pipa para que possam encher as cisternas e ter √°gua em casa.


Tags:
8 de março de 2017
Barra da Estiva

Empres√°rios e prefeitura retiram √°gua do Ponto da Pedra em Barra da Estiva; enquanto os moradores ficam sem

Além dos carros pipa da prefeitura, veículos particulares também retiram água do local. Foto: Informebarra.com.br

O Informe Barra postou no dia 04 do m√™s passado (fevereiro), uma mat√©ria onde os moradores do Ponto da Pedra em Barra da Estiva diziam:  ‚ÄėEstamos sem √°gua, porque a nossa est√° sendo levada para outras localidades‚Äô. Na ocasi√£o, o secret√°rio de infraestrutura justificou o fato e disse que o problema j√° estava sendo solucionado (Veja a mat√©ria); no entanto, em contato com o Informe Barra nesta quarta ‚Äď feira (08), algumas pessoas disseram que o problema continua, e pior, al√©m dos caminh√£o pipa da prefeitura, empres√°rios tamb√©m est√£o retirando √°gua do local para abastecer com√©rcios e resid√™ncias na cidade.
Segundo um dos moradores, h√° mais de oito dias que n√£o cai √°gua nas casas da localidade, pois, mesmo soltando a √°gua do po√ßo, n√£o h√° press√£o suficiente para chegar at√© os lares, devido a grande retirada de √°gua do local para abastecer outras localidades e at√© mesmo para uso privado, como o caso de um funcion√°rio de um empres√°rio de Barra da Estiva que foi flagrado com uma caminhonete levando √°gua do local.Continue lendo…


25 de janeiro de 2017
Ituaçu

Moradores de Tranqueiras, em Ituaçu, sofrem com má qualidade da água

O rio está praticamente seco, o pouco de água que ainda resta está imprópria para o consumo. Foto: Informe Barra.

Os moradores de Tranqueiras, em Itua√ßu, est√£o vivendo um dif√≠cil dilema. O rio de onde a popula√ß√£o tirava √°gua doce para ser consumida est√° praticamente seco e, o pouco de √°gua que ainda corre por ele, est√° avermelhada e muitas pessoas est√£o comprando produtos para que a √°gua fique limpa e com a cor normal, mesmo assim, est√° impr√≥pria para o consumo ‚Äď segundo informa√ß√Ķes de moradores passadas ao Informe Barra.

Em alguns lugares isolados a pouca √°gua que tem est√° avermelhada.

Além da água do Rio, outra fonte de abastecimento são os poços artesianos, porém a água é muito salgada. Muitos chegam a pagar R$ 190,00 para adquiri um caminhão pipa de água doce e que muitas vezes ainda não é tratada.
Os moradores dizem que estarão relatando o fato à prefeitura de Ituaçu, para que a mesma busque uma forma de amenizar o problema, ao menos até que volte a chover novamente.


Tags:
18 de junho de 2016
Bahia

Com seca, moradores dormem em filas e ‘brigam’ por √°gua de carros-pipa

itabuna-seca informebarra

(Foto: Reprodução/Google)

A crise no abastecimento de √°gua na regi√£o sul da Bahia est√° levando muitos moradores de Itabuna a dormir em filas para conseguir √°gua distribu√≠da por carros-pipa. Com estiagem h√° mais de nove meses, a cidade est√° em estado de emerg√™ncia.¬† Tanques comunit√°rios abastecidos por carros-pipa foram colocados nos bairros da cidade, mas, como a demanda √© grande, a aglomera√ß√£o de moradores muitas vezes termina em tumulto numa verdadeira ‘briga’ pela √°gua. Os carros-pipa s√£o abastecidos com √°gua trazida de outras cidades vizinhas. O pedreiro Gilmar Santos conta que chega a faltar ao trabalho para conseguir encher os baldes. “J√° perdi dois dias de trabalho aqui tentando pegar √°gua”, reclama. A prefeitura da cidade informou que a estiagem prejudica a normalidade da distribui√ß√£o e fornecimento de √°gua pot√°vel para a popula√ß√£o de diversos bairros, povoados e distritos, al√©m de comprometer o funcionamento de diversos equipamentos e estabelecimentos p√ļblicos que prestam servi√ßos essenciais, como hospitais, escolas, creches e cl√≠nicas. O posto de sa√ļde do bairro S√£o Caetano tamb√©m √© afetado. Nesta sexta-feira (17), os banheiros e a sala de vacinas da unidade de sa√ļde estavam fechados, devido √° falta de √°gua. De acordo com a prefeitura, a falta de chuvas paralisou a capta√ß√£o de √°gua nos rios Salgado, Col√īnia e no Almada, onde houve a redu√ß√£o em at√© 97% da capta√ß√£o na Esta√ß√£o de Rio do Bra√ßo. A seca, conforme a administra√ß√£o, causa ainda preju√≠zos aos segmentos econ√īmicos, a exemplo da agropecu√°ria, ind√ļstria e com√©rcio. A previs√£o de chuva mais intensa para a regi√£o, no entanto, √© s√≥ a partir do m√™s de outubro. Com o prolongamento da situa√ß√£o de emerg√™ncia, cujo decreto foi publicado no dia 3 de junho, a prefeitura de Itabuna pode buscar apoio junto aos governos estadual e federal. O decreto ainda autoriza a convoca√ß√£o de volunt√°rios para refor√ßar as a√ß√Ķes de resposta √† estiagem, com o objetivo de facilitar a√ß√Ķes de assist√™ncia √† popula√ß√£o mais afetada.

(fonte:G1/Bahia)


Tags:
4 de junho de 2016
Bahia

Por conta da seca, governo da Bahia decreta situação de emergência em 5 cidades

Foto: Informebarra.com.br

Foto: Informebarra.com.br

Os municípios de Ilhéus, Barra do Choça, Campo Formoso, Feira da Mata e Rio de Contas tiveram os decretos de situação de emergência homologados pelo Governo do Estado devido à estiagem prolongada. Os documentos foram assinados pelo governador Rui Costa e pelo secretário da Casa Civil, Bruno Dauster, e publicados do Diário Oficial na sexta-feira (3).
Conforme o Governo do Estado, a seca nos munic√≠pios listados provocou perdas nas culturas agr√≠colas, principalmente de milho e feij√£o. Com os decretos assinados, a Bahia conta hoje com 147 munic√≠pios em situa√ß√£o de emerg√™ncia provocada pela falta de chuva. A situa√ß√£o afeta cerca de 1,7 milh√£o de pessoas.Continue lendo…


Tags: